Literatura | “O Amor que Nos Une” de Megan Maxwell — Opinião

Resultado de imagemTítulo Original: Desde donde se domine la llanura
Publicação: 6 de Junho de 2017
Editora: Editorial Planeta
ISBN: 9789896579449
PVP: 18,85€ — Compra-o em www.wook.pt 
A minha classificação: 4 em 5 estrelas

Sinopse: Segundo volume da série As Guerreiras Maxwell, que tem como protagonistas mulheres com um intrépido espírito guerreiro, que perseguem os seus ideais e conjuga o romance histórico com o erotismo.

Gillian é conhecida entre os membros do seu clã, como a Desafiadora. Apaixonada por Niall desde a infância, viveram uma linda história de amor que acabou quando ele partiu para a guerra sem se despedir dela. Gillian jurou que jamais o perdoaria. Niall, no entanto, é tão teimoso e orgulhoso como a amada. Agora que regressou, voltam a encontrar-se, mas nenhum está disposto a dar o braço a torcer. Mas a vida é caprichosa e a paixão começa a apoderar-se outra vez deles. Serão capazes de resistir?
Uma história de amor bastante forte com a componente erótica própria deste género e que fará as delícias das leitoras mais românticas.

Opinião: Confesso que atrasei muito a leitura deste livro pois o primeiro livro que li de Megan Maxwell, “Desejo Concedido” (que é por acaso o primeiro desta série), não foi bem o que eu esperava. Porém “O Amor que Nos Une” é muito melhor em vários aspetos.

Gillian e Niall são, sem qualquer dúvida, muito mais interessantes e bem desenvolvidos do que o par do livro anterior. Há uma certa essência do livro anterior que ronda este, é verdade, mas noto que este novo casal não parece tolo de todo ou exagerado como o outro. Porém, havia momentos em que Niall não se parecia com ele mesmo. Este é descrito como sendo bem humorado mas há certas atitudes que este tem ao longo do livro que simplesmente… não parecem dele. Já Gillian foi uma personagem que adorei do inicio ao fim, cuja personalidade e essência a autora conseguiu manter desde a primeira página.
Um personagem que não posso deixar de mencionar é Kieran. Adorei-o e mesmo tendo poucos momentos com este, foram esses os meus momentos favoritos de toda a história!

O que já esperava e receava encontrar neste livro eram as múltiplas complicações que surgem conforme a história se vai desenvolvendo. Parece que a autora não sabia simplesmente o que escrever a certo ponto, então acabava por criar problemas e problemas e com isso, a história ia tornando-se extremamente aborrecida e enrolativa. Apesar disto, notei alguma melhoria, dado que adorei por completo a primeira metade do livro. Mas como se diz: o que é demais enjoa…

Este livro é mais do mesmo, sinceramente, mas notam-se certas melhorias, principalmente a nível de personagens e de ação, por isso mesmo decidi dar-lhe as 4 estrelas. Gostei muito mais deste segundo livro, por essas mesmas melhorias mas não sei se esta será uma autora que continuarei a seguir. Falavam tão bem dela e dos seus livros e depois deparo-me com uma narrativa e desenvolvimento de história deste género. Este e o livro anterior estariam ótimos se fossem reduzidos para metade do tamanho de história, sem dúvida.

Uma leitura com o apoio dePlaneta

Anúncios

Um pensamento sobre “Literatura | “O Amor que Nos Une” de Megan Maxwell — Opinião

  1. Pingback: Literatura | Leituras de Agosto e Setembro — 2017 | The Girl Who Reads Books

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s