Prazer da Noite – Sherrilyn Kenyon, Predador da Noite #2 [Opinião]

12565943_sSHn0

Título Original: Night Pleasures
Publicação: 11/2009
Editor: Chá das Cinco
ISBN: 9789897100314
Preço Editor: 19,03€
Minha classificação: 5 em 5 estrelas

Sinopse: «Querida leitora, Alguma vez quis saber como era ser imortal? Viajar pela noite caçando os vampiros que perseguem os humanos? Ter riqueza e força ilimitadas? Essa é a minha vida e é escura e perigosa. Sou herói de milhares, mas ninguém me conhece. E adoro todos os minutos. Pelo menos era o que eu pensava até que, certa noite, acordei algemado ao meu pior pesadelo: uma mulher conservadora, de camisa apertada de cima a baixo. Ou, no caso de Amanda, abotoada até ao queixo. É inteligente, sensual, espirituosa e não quer ter nada a ver com o paranormal, por outras palavras, comigo.A minha atracção por Amanda Devereaux vai contra tudo aquilo que represento. Já para não dizer que, da última vez que me apaixonei, isso me custou não só a minha vida humana como a minha alma. Ainda assim, sempre que olho para ela, dou por mim a desejar tentar de novo. A desejar acreditar que o amor e a lealdade existem. Ainda mais perturbador, dou por mim a perguntar se haverá alguma forma de uma mulher como Amanda amar um homem cujas cicatrizes da guerra são profundas, e cujo coração foi ferido por uma traição tão selvagem que não sei se voltará a bater de novo.» Kyrian da Trácia

Opinião: “Prazer da Noite” é o segundo livro, se considerarmos “Amante de Sonho” o primeiro. Mas na verdade, este é mesmo oficialmente o primeiro livro da série Predadores da Noite. Neste, a personagem principal feminina, Amanda, acorda presa a um estranho, chamado Kyrian. Um predador da noite. No entanto, esta não faz sequer ideia do porquê de estar presa, até que percebe que está ali por engano, e por ter sido confundida com a sua irmã, Tabitha, que afirma ser caçadora de vampiros. Assim que Amanda descobre o que Kyrian é, esta vê-se puxada para um mundo que pensava ser apenas loucuras da sua irmã fêmea.

Lembro-me que gostei do livro na altura que o li. Gostei muito mais deste, do que do primeiro que li da Sherrilyn Kenyon “Amante de Sonho”. Talvez por incluir mais ação, mais perigo, em relação ao primeiro. Afinal, Julian era apenas um escravo de sexo, enquanto que Kyrian é um predador da noite. 

Gostei principalmente de ver o modo como foi inserido o personagem do livro anterior, neste segundo livro. E já tendo lido até à data o 6º livro desta série, posso dizer que é fantástica a forma como a escritora consegue ligar cenas de livros anteriores a um novo, de modo a criar novas histórias.

Novamente, adorei os personagens, principalmente os principais. Tanto eles, como a história, estão bem construídos. E a história por trás da vida de Predador da Noite, de Kyrian, faz qualquer um ficar ainda mais envolvido neste personagem.