Leituras de Outubro [2016] – Wrap-up

Esta ressaca literária (aka Reading-Slump) não está a ajudar em nada… Mesmo assim, estamos em Novembro, e já vou no terceiro livro, o que é bom, porque parece que estou finalmente a terminar esta fase de poucas leituras.
Mas falando de Outubro… 6 livros. Nada de muito diferente dos meses anterior, excepto que foram tudo livro que estava curiosa por ler.

Não se esqueçam: partilhem as vossas opiniões comigo, caso tenham lido algum destes livros, pois gosto sempre de ver pontos de vistas diferentes 😉

Eis os seis livros lido durante o mês das bruxas (ao clicarem nos títulos, serão direccionados para as respetivas opiniões):
9 de Novembro – Colleen Hoover
A Rapariga do Calendário, livro 4 – Audrey Carlan
– After, depois da promessa – Anna Todd
Os Contos de Beedle, o Bardo – J.K. Rowling
O Império Final – Brandon Sanderson
Por um fio – Rainbow Rowell

“O Império Final” e “9 de Novembro” foram, sem dúvida, as minhas leituras favoritas, sendo a primeira a minha preferida do mês.
Quero agradecer à Planeta, Editorial Presença e Saída de Emergência/Chá das Cinco pelas colaborações ao enviarem-me exemplares das minhas leituras número 2, 3 e 5! ❤

Anúncios

Por um fio – Rainbow Rowell [Opinião]

14317441_1035538719848575_5865826530401103607_nTítulo Original: Landline
Publicação: 10-2016
Editor: Edições Chá das Cinco 
ISBN: 9789897102653 
PVP: 16,60€
A minha classificação: 3,5/5 estrelas

Sinopse: Georgie McCool sabe que o seu casamento está por um fio. Ela ainda ama o marido, Neal, e o marido ainda a ama a ela – mas a química desapareceu. Dois dias antes de visitarem a família de Neal, Georgie informa-o de que não irá com ele. Ela é argumentista de televisão e o seu emprego exige a sua presença. Sabe que Neal irá ficar chateado mas nunca pensou que ele fizesse as malas e partisse sem ela. Atormentada pela sua decisão, Georgie pensa que deitou tudo a perder. Até que descobre uma forma de comunicar com a versão mais nova do marido… no passado. Não sendo exatamente uma viagem no tempo, Georgie sente que recebeu uma nova oportunidade de salvar o seu casamento ainda antes de ele começar. Mas será que é isso que ela realmente quer?

Opinião: Depois de ler “Anexos”, que ao contrário de “Fangirl” e “Eleanor & Park”, não gostei tanto, tinha algum receio em ler este segundo romance adulto da autora, pois Rainbow Rowell foi feita para escrever romance jovem e não romance adulto. Porém “Por um fio” surpreendeu-me bastante. Dei por mim a gostar deste livro e a saber apreciar o que há de bom neste género de escrita da autora.

A história…
“Por um fio” mostra-nos uma história confusa por vezes mas que não deixa de ser divertida e que lê-se com facilidade, o que considero um ponto positivo que não encontrei nos romances jovem da Rowell. Quando digo confusa, não pretendo dizer que não se percebe. É confusa porque não consegui distinguir o que era real do que era “alucinações”, mas afinal é isto que se passa com a protagonista, Georgie. Esta não consegue perceber o que é real ou não. E é por isto que considero esta uma história engraçada. Por isto, mas também pelas recordações do passado e pelo momentos Georgie-Seth.
Os personagens…
Apesar de não ser o personagem principal, Seth foi sem dúvida o meu personagem favorito13866769_821828817951392_862605751_n deste livro. Acho que gostaria que a autora escrevesse um pequeno livro sobre Seth. Seria interessante e divertido, aposto. Mas também outras personagens, para além de Neal e Georgie, são engraçadas e tornaram este livro mais divertido, como Heather, a prima (?) ou irmã (?) da Georgie, os pugs, o Scotty e até mesmo as filhas do casal, principalmente Noomi com os seus “Miaus”. Em geral, podem não ser personagens muito desenvolvidas, mas todas tiveram papéis divertidos e de alguma forma importantes na história.
O desenvolver da história e final…
Como já disse várias vezes, o desenvolver foi divertido mas confuso por vezes. Mas acho que este é o estilo de Rainbow Rowell. As conversas e tudo o que aconteceu são cenários que consigo ver acontecer na realidade. É um ponto que realmente gosto nos livros da autora é que as conversas e o desenvolver da história possa ser confuso e sem organização, mas a vida real é assim. A vida real não é um guião organizado, com frases bonitas e com sentido a todo o momento. Sempre que lia as conversas entre Georgie e outro dos personagens, conseguia ver o quanto real estas poderiam ser. Eu própria às vezes digo coisas que não fazem sentido e tenho conversas confusas hahahahaha
Uma coisa que não posso deixar de mencionar é as referências de Rainbow a Harry Potter e Tolkien. Tornou este livro ainda melhor, porque uma Potterhead como eu fica sempre feliz quando encontra algo sobre Harry Potter em outros livros, principalmente se essa referência for aos Malfoy hehe

Não é o melhor da Rainbow, mas é um bom livro. Muitas pessoas disseram-me que este era o livro mais fraquinho da autora, mas dei por mim a gostar, talvez porque não tinha muitas expectativas e dei por mim a ser surpreendida por uma história engraçada.

Para mais informações sobre o livro Por um Fio, clique aqui.

Um leitura com o apoio de99e524e9dd50c21c003f2db9ae89aa3c26f17

O Império Final (Saga Mistborn #1) – Brandon Sanderson [Opinião]

13417381Título Original: The Final Empire 
Publicação: 06-2014  
Editor: Saída de Emergência 
ISBN: 9789896376383 
PVP: 22€ (outras informações mais abaixo)
A minha classificação: 5/5 estrelas

Sinopse: Num mundo onde as cinzas caem do céu e as brumas dominam a noite, o povo dos Skaa vive escravizado e na absoluta miséria. Durante mais de mil anos, o Senhor Soberano governou com um poder divino inquestionável e pela força do terror. Mas quando a esperança parecia perdida, um sobrevivente de nome Kelsier escapa do mais terrível cativeiro graças à estranha magia dos metais – a Alomancia – que o transforma num “nascido nas brumas”, alguém capaz de invocar o poder de todos os metais.Kelsier foi outrora um famoso ladrão e um líder carismático no submundo. A experiência agonizante que atravessou tornou-o obcecado em derrubar o Senhor Soberano com um plano audacioso. Após reunir um grupo de elite, é então que descobre Vin, uma órfã skaa com talento para a magia dos metais e que vive nas ruas. Perante os incríveis poderes latentes de Vin, Kelsier começa a acreditar que talvez consiga cumprir os seus sonhos de transformar para sempre o Império Final…

Opinião: Este livro surpreendeu-me de tal forma, que ainda estou sem palavras depois de tudo o que aconteceu, principalmente no final. Não esperava sequer gostar dele, quanto mais adorá-lo!
As primeiras páginas, como em qualquer livro, podem ser mais cansativas e principalmente neste livro, pode-se sentir alguma confusão por tratar-se de um mundo criado do “zero”, com Alomância (um poder deste mundo fictício) à mistura. Custou-me um pouco ao inicio habituar-me a tantos termos novos e estranhos, mas o vicio foi imediato, sem dúvida!! Não me lembro da última vez que encontrei personagens tão fortes, com personalidades únicas e marcantes de forma individual. O Kelsier é o meu personagem favorito, como é óbvio. Mas a Vin e o Sazed também não lhe ficam muito atrás!

O que me fez gostar a 100% deste livro (e é raro gostar a 100% de um livro!), além dos 13866769_821828817951392_862605751_npersonagens, foi o mundo e a forma como Sanderson o criou. Este “senhor” tem um jeito, um talento, que é raro encontrar, principalmente em fantasia! Posso não ter lido o livro em horas ou poucos dias, mas isso certamente que não reflete o quanto viciada e agarrada fiquei a esta história. Por um lado, este livro traz-nos um final… surpreendente de certa forma. Podia ficar apenas pelo primeiro livro, caso não tivesse sentido-me agarrada a este novo mundo. Mas como é óbvio, vou ler os outros, pois é mesmo uma saga que vale a pena ler! Uma coisa que tenho notado é que muitas pessoas hesitam pegar nesta “trilogia” pelo seu preço em português, mas digo-vos: Este é dos poucos livros que considero que vale a pena, mesmo ao preço que é. Não me imagino a dar 15€ ou mais por um livro qualquer (geralmente compro usados), mas Mistborn vale a pena! Vale a pena gastar mais dinheiro, vale a pena ficar sem tomar o pequeno-almoço (foi o que me aconteceu hoje, pois queria tanto saber o que aconteceria no final! haha), vale a pena perder horas de sono… Enfim, esta saga chegou à minha estante e conquistou-me por completo! Sem dúvida, entra no meu top 5 de livros favoritos de 2016 ❤

Para aumentar ainda mais o meu entusiasmo, o autor virá a Portugal, como já devem saber! Faltam poucos dias e não podia deixar de ficar contente por ter os meus dois livrinhos (em breve os quatro) autografados hehehe
Fica mais abaixo o convite e outras informações relacionas com o PVP.

99e524e9dd50c21c003f2db9ae89aa3c26f17

Podem encontrar agora o pack “O Império Final + O Poço da Ascenção” por apenas 24,40€ no site da editora ou em qualquer outra livraria física ou online 😉

Para mais informações sobre o livro O Império Final, cliquem aqui.

Um livro99e524e9dd50c21c003f2db9ae89aa3c26f17

Os Contos de Beedle, o Bardo – J.K. Rowling [Opinião]

99e524e9dd50c21c003f2db9ae89aa3c26f17Título Original: The Tales of Beedle the Bard 
Publicação: 12-2008
Editor: Editorial Presença 
ISBN: 9789722340571 
PVP: 10,10€
A minha classificação: 5/5 estrelas

Sinopse: “Esta nova edição incluirá os contos que a Hermione Granger traduziu a partir das runas originais, com ilustrações da minha autoria, assim como algumas anotações feitas pelo Professor Albus Dumbledore, cuja inclusão nesta obra devo agradecer ao Arquivo da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts.” Contendo pistas que se revelariam cruciais para a derradeira missão de Harry Potter – destruir os Horcruxes de Lord Voldemort – Os Contos de Beedle, o Bardo incluem cinco histórias de magia e feitiçaria legadas a Hermione Granger por Albus Dumbledore, no sétimo e último livro da saga, Harry Potter e os Talismãs da Morte. Apenas uma dessas histórias – “O Conto dos Três Irmãos” – é contada no livro. As restantes quatro histórias são reveladas pela primeira vez em Os Contos de Beedle, o Bardo.

Opinião: Não há muito que falar deste livro, pois tem apenas alguns contos, na sua maioria curtos e com poucos personagens. Mesmo assim, foi uma surpresa para mim ter adorado este livro, pois não esperava que fosse assim tão bom! É sem dúvida um ótimo livro para se ler num dia mais atarefado.

São cinco contos no total: Todos eles com uma “moral”, e que pudemos facilmente igualar com vários dos nossos contos de “muggles” haha No final de cada conto, existem ainda notas escritas por Dumbledore, notas essas que adorei, pois Dumbledore é realmente um personagem sábio e este livrinho deixa-nos conhecer um pouco mais do diretor de13866769_821828817951392_862605751_n Hogwarts.
Dos cinco contos, o meu preferido é obviamente o conto dos três irmãos, não só porque já o conhecia, mas também porque existe algo de especial neste conto em relação aos outros. Além disso, sinto que é o que mais se aproxima da realidade, isto é, os três irmãos, tirando a parte da magia, acabam por refletir um pouco o ser humano em geral. Mas os outros contos também são engraçados e adorei-os! Foi mesmo uma enorme surpresa. E quanto às ilustrações, estão giríssimas e vieram mesmo a calhar, pois um conto sem ilustrações não é um conto!

Antes não dava muita importância a este livro quando o via no filme e livro “Harry Potter e os Talismãs da Morte”, mas tenho a certeza que da próxima vez que o vir/ler, vou ficar ainda mais entusiasmada por conhecer melhor este livrinho, que pode parecer que não, mas ensina-nos mais algumas coisas sobre este mundo, principalmente através das notas de Dumbledore que trazem ao de cima pormenores da saga Harry Potter e também sobre certas personagens que nunca foram revelados e que achei curioso de certa forma.

Um livro que os fãs de Harry Potter não podem perder!

Para mais informações do livro Os Contos de Beedle, o Bardo, cliquem aqui.

After, depois da promessa (After #5) – Anna Todd [Opinião]

99e524e9dd50c21c003f2db9ae89aa3c26f17Título Original: After Ever Happy
Publicação: 10-2016
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722358873
PVP: 18,90€
A minha classificação: 5/5 estrelas

Sinopse: Tessa e Hardin venceram todos os obstáculos. Mas terão o seu final feliz? Tessa e Hardin já tiveram surpresas suficientes. O laço que os une tornou-os mais forte que nunca, mas a cada novo desafio é posto à prova. Quando a verdade chocante acerca das suas famílias é desvendada, ambos se apercebem de que afinal não são tão diferentes um do outro. Tessa deixou de ser a rapariga doce, simples e inocente do tempo em que conheceu Hardin, e este já não é o rapaz cruel e instável por quem ela se apaixonou. Tessa conhece as emoções perturbadoras que se agitam dentro de Hardin e sabe que só ela pode acalmá-las. Precisam um do outro. Mas quanto mais o passado vem à tona, mais sombrio Hardin se torna e mais tenta afastar-se de Tessa. Depois de tudo o que viveram em conjunto, Tessa não tem a certeza de ser capaz de o salvar sem se sacrificar. Valerá a pena anular-se por amor? Tessa recusa-se a desistir sem lutar. Mas por quem está ela a lutar: por Hardin ou por si própria?

Opinião: Quando pensei que este seria um livro de quatro estrelas, e que tal como nos anteriores dois últimos livros traria apenas problemas e mais discussões sem fim entre a Tessa e o Hardin, Anna Todd conseguiu mostrar-me o quanto errada estava! O primeiro livro de uma série é quase sempre o que mais marca e até ler este 5º livro da série After, não achei que isso fosse mudar. Mas mudou. E “After – depois da promessa” merece as 5 estrelas a 100%.

O inicio leva-nos a pensar que iremos cair na mesma rotina. Que iremos mais uma vez seguir uma história que parece basear-se em constantes discussões e reconciliações. Mas rapidamente sucedem-se reviravoltas. Acontecimentos chocantes ou surpreendentes surgem e talvez o mais marcante neste livro seja a gradual mudança que vi no Hardin, à medida que ia lendo. Sinto falta do bad boy que encontramos no primeiro livro, mas nem mesmo a mudança que o personagem vai sofrendo, me faz gostar menos dele, mesmo que eu chegue a desesperar com as várias atitudes dele. Afinal, não sou a única, certo? haha
De alguma forma, senti que este livro foi mais intenso do que os anteriores, principalmente nas últimas 100/200 páginas, em que vemos mudanças em vários personagens e no ambiente em volta deste casal que conquistou tantos leitores. Gostei bastante de ver todas essas mudanças e é esta a principal razão para que este livro seja, para mim, merecedor das 5 estrelas. Anna Todd conseguiu tirar os personagens, a que tanto me apeguei ao longo destes meses, de uma rotina e pô-los numa ação totalmente diferente, inesperada, e que me conquistou, mas acima de tudo, surpreendeu.

O final… Mais especificamente, as últimas páginas foram fantásticas. Devorei-as com uma13866769_821828817951392_862605751_n mistura de emoções, sem dúvida. De certa forma, não me surpreendeu, mas acabei, mesmo assim, por surpreender-me por alguns pormenores. Uns que me deixaram contente, sobretudo com finais de determinadas personagens. Outros que me deixaram triste, mas nem sempre um final traz só coisas boas certo? Às vezes um autor decide fazer passar certos personagens por momentos mais complicados ou difíceis. Foi um final um pouco cliché mas um final que me deixou 100% satisfeita e não esperava menos desta autora que me conquistou desde a primeira página!

Parece que Outubro é o mês de despedidas para algumas séries, mas esta é, sem dúvida, a despedida que mais me custa, pois adorei estes livros desde do inicio. Parece que foi ontem que li o primeiro e na verdade não foi assim há tanto tempo, sendo que comecei por ler o primeiro em Março deste ano…. e a partir dai, foi devorar livro atrás de livro. Uma OBSESSÃO total. Felizmente ainda temos o “Before” (a história do Hardin, antes de conhecer a Tessa) e a nova série sobre o Landon. Agora é esperar, ansiosamente, que a Editorial Presença dê luz verde à publicação destes livros. 🙂

Uma leitura com o apoio de:
13866769_821828817951392_862605751_n

Para mais informações sobre o livro After – depois da promessa, clique aqui.

Outras opiniões desta série:

A RAPARIGA DO CALENDÁRIO – Outubro, Novembro e Dezembro (LIVRO 4) – AUDREY CARLAN [OPINIÃO]

500_9789892336435_confia_em_mimTítulo Original: Calendar Girl – Book 4 (October, November, December)
Publicação: 10-2016
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896578404
PVP: 17,99€
A minha classificação: 4/5 estrelas

Sinopse: Mia Saunders, a Rapariga do Calendário, percorreu um longo caminho. Termina a jornada de um ano em Hollywood, Nova Iorque e Aspen.
Em Outubro, Mia começa a sua nova vida a trabalhar num programa de TV matutino em que faz uma rubrica a respeito de viver em beleza. O seu homem lida com as sequelas do cativeiro e juntos encontram maneira de fazer face a todas as tormentas.
A seguir, Mia viaja até Nova Iorque para gravar um programa sobre as razões que as pessoas têm para dar graças. Todos os sonhos se estão a realizar… excepto um.
Finalmente, em Dezembro, a nossa menina dá por si no País das Maravilhas invernal, Aspen, no Colorado, para filmar um segmento sobre artistas locais. Só que as circunstâncias são muito peculiares.
Prepare-se para uma surpresa quando a jornada de Mia se funde no fim que todos esperam.

Opinião: Revendo agora toda a série, é notável a enorme evolução, tanto da história como da personagem principal, Mia. Mas se compararmos este último livro ao primeiro, nota-se a enorme mudança. O primeiro livro foi repleto de sexo, repleto de surpresas e novidades. Este último livro foi repleto de coisas que confesso não imaginei que pudessem vir a acontecer. De alguma forma, sinto que este livro é bastante diferente por não seguir necessariamente a linha de um homem todos os meses, mas acho que isso é uma coisa positiva, pois quatro livros inteiros focados apenas neste ponto tornaria a leitura cansativa.

Mais uma vez a autora surpreendeu-me com todas as reviravoltas que trouxe! Adorei este livro, sem dúvida. Talvez por esta habituada a um ritmo diferente dos outros livros, senti que faltava alguma coisa neste. Mas tirando este pequeno pormenor, adorei os novos temas que a autora abordou, principalmente a questão da família e do perdão. Dezembro foi meu mês favorito, deste livro, não só por trazer as tais reviravoltas, mas também porque senti realmente que era Natal. Também a forma como a autora retrata todos os lugares por onde Mia passa neste livro, fez-me sentir como se estivesse realmente lá!14317441_1035538719848575_5865826530401103607_n

A conclusão não foi uma surpresa de todo, mas adorei-a e tive realmente pena que a jornada desta personagem tivesse chegado ao fim. Dei por mim a adiar a minha leitura deste livro várias vezes durante estes últimos dias. Não queria que acabasse, mas agora que acabou, fico contente por ter conhecido a Mia e todos os outros personagens. Do primeiro livro para este, consigo ver como todos personagens evoluíram, principalmente a “rapariga do calendário”. É uma série que vale bastante a pena ser lida, principalmente por aqueles que não apreciam romances eróticos, como eu, pois esta série não é apenas sexo, sexo, sexo. “A Rapariga do Calendário” é algo de especial, que agarra qualquer um, sem nos apercebermos… Quem sabe não dão por vocês a gostar desta série, assim como eu gostei? Esta série é erótica, mas é também divertida e cheia de personagens marcantes, e por isto, considero-o a melhor série erótica que já li!

As últimas páginas tornaram este livro ainda mais marcante e diferente dos outros, pois qualquer um quer saber qual o final de outros personagens, não? Este livro foi acima de tudo divertido e dei por mim a rir-me com a canção da Isabel (não podia deixar de mencionar este momento que me fez rir e cantar com a personagem), mas também as últimas páginas foram engraçadas, apesar de alguns finais terem-me deixado surpresa, pois não esperava certas coisas acontecerem.

Como a autora disse na entrevista (que podem ler aqui), quem sabe um dia, possamos vir a ler esta jornada toda na versão dos nossos personagens masculinos favoritos!

9 de Novembro – Collen Hoover [Opinião]

brfedsTítulo Original: November 9 
Publicação: 09-2016
Editor: Topseller (20|20 editora) 
ISBN: 9789898849427
PVP: 17,69€
A minha classificação: 5/5 estrelas

Sinopse: A história de um amor capaz de curar e renovar a vida. O dia 9 de novembro No último dia de Fallon em Los Angeles, a sua vida cruza-se com a de Ben e os dois apaixonam-se perdidamente. A química que os une é tão forte e incontrolável que, apesar de Fallon estar a caminho de Nova Iorque, os dois prometem encontrar-se novamente. OS REENCONTROS Durante cinco anos, sempre no dia 9 de novembro, Fallon e Ben encontram-se para construírem a sua história de amor, entre as várias relações e atribulações das suas vidas separadas. Apesar de só estarem juntos uma vez por ano, os dois envolvem-se cada vez mais e partilham um amor pleno de entrega, paixão e intensidade, capaz de os transformar e de sarar cicatrizes profundas. CINCO ANOS DEPOIS Fallon descobre que Ben carregou um enorme segredo durante cinco anos. O choque e a desilusão tomam conta do coração da jovem, devastada com a possibilidade de tudo ter sido uma farsa. Estarão os dois preparados para aceitar que as histórias de amor nem sempre têm um final feliz? Ou será Fallon capaz de perdoar o homem que ama? O passado, o presente e o futuro cruzam-se num livro arrebatador e envolvente.

Opinião: Não imagino o dia em que não goste dos livros da Colleen Hoover. Este, como é óbvio, não foi exceção. E agora chego à conclusão: 9 de Novembro é o melhor livro da autora, e superou “Confesso” (opinião aqui) em tudo, ao ponto de se tornar o meu favorito de entre os que estão traduzidos em Português.

Apenas a ideia de duas pessoas se encontrarem uma vez por ano, especificamente no dia 9 de Novembro, tornou tudo muito intrigante (em parte também achei engraçada a data, por o meu aniversário ser no dia anterior haha) e comecei a ler o livro, já a adorá-lo, claro, porque Colleen Hoover é Colleen Hoover. E sendo este livro escrito por ela, não podia deixar de trazer cenas/momentos fortes, que me deixaram de coração apertado, pois é isto que ela faz: Quando pensamos que está tudo bem, a autora traz-nos uma reviravolta que faz qualquer leitor sentir um turbilhão de emoções: Choque, tristeza. Enfim, quem já leu livros desta autora sabe do que falo!
Os personagens são todos muito intensos, até mesmo aqueles que só apareceram durante500_9789892336435_confia_em_mim algumas páginas. Ben é o meu personagem masculino favorito dos livros até agora, sem dúvida! A Fallon é também uma das que mais gostei. Ambos marcaram-me por serem fortes, intensos e únicos.
Se este livro fosse um prato, diria que está no ponto, com todo os temperos ideais: desde romance, alguma comédia a drama. É perfeito e é por isto que é o meu favorito! Devorei-o em horas e posso afirmar que este é o livro ideal para acabar com qualquer ressaca literária, inclusive com a minha!

Não posso terminar esta opinião, sem dar um pequeno spoiler, mesmo não o sendo propriamente e não sendo nada de relevante para o livro: Há dois personagens de livros anteriores, da Colleen, que regressam, mesmo que por momentos, e isto fez-me gostar ainda mais do livro, sem dúvida.